Ponto e Monstros Marinhos Mitológicos

      Ponto: Este ser é o Titã personificado como o mar aberto. Ele é extremamente escasso nas mitologias grega e romana. Confira alguns fatos sobre este Deus Antigo e também criaturas marinhas mitológicas.

Ponto na Mitologia Grega:

     Ponto ou Póntos (alto-mar), na mitologia grega, era a divindade do mar aberto, ou seja, das profundezas do mar. Segundo Hesíodo, na sua obra Teogonia, tal como Urano e os Oreas, Ponto nasceu por partenogénese de Gaia, a Terra, ou seja, Gaia gerou Ponto por si própria. Já Higino afirmou que Ponto é filho de Terra com Coelum (nome romano de Urano). Com Gaia, Ponto gerou o velho do mar Nereu, as maravilhas do mar, Taumas, os aspetos perigosos do mar, Fórcis, a sua irmã e esposa, Ceto, e a fúria do mar, Euríbia. Com Tálassa, foi pai dos Telquines. Wikipédia

NEREU:

     Nereu (nadar), na mitologia grega, é um deus marinho primitivo, representado como um personagem idoso - o velho do mar.É filho de Ponto e de Gaia. Desposou a oceânide Dóris e foi pai de cinquenta filhas, as nereiades, e de um filho, Nérites. O seu reino é o Mediterrâneo, e mais particularmente, o Egeu. É conhecido por suas virtudes e por sua sabedoria. Píndaro celebra sua justiça benfazeja, daí seus epítetos "verídico", benfazejo", "sem mentira nem esquecimento".

TAUMAS:

     Taumas (maravilhas), na mitologia grega, é uma divindade marinha, da geração dos Titãs, filho de Ponto e Gaia. É o companheiro da ocêanide Electra, filha de Oceano, com quem é pai de Íris, mensageira da deusa Hera, e sua irmã gêmea Arce (o orvalho da manhã) mensageira dos Titãs durante a guerra travada contra os deuses olímpicos, e as três Harpias: Aelo (a borrasca), Ocípite (a rápida no voo) e Celeno (a obscura).

FÓRCIS:

     Fórcis: Filho de Ponto, o Mar, e de Gaia, a Terra. Casou-se com sua irmã Ceto, que engendrou filhos monstruosos: as Górgonas, as Greias, Ladão e Equidna. Pontos casou-se com sua própria mãe, Gaia, e teve vários filhos: Nereu, Taumas, Fórcis, Ceto e Euríbia. Ceto e Fórcis foram pais das duas Greias: Ênio e Pênfredo, além de Dino, acrescentada depois, as três górgonas: Esteno, Euríale e Medusa e da serpente que guarda as maçãs de ouro, o Dragão das Hespérides, além de Equidna, a ninfa víbora.

CÉTUS:

     Ceto ou Keto, na mitologia grega, é uma divindade primordial marinha filha do Pontos, o Mar, e de Gaia, a Terra. O nome Cetus, que significa "monstro", é como os antigos gregos denominavam as baleias, que para eles eram monstros marinhos. Ceto é a personificação dos perigos do mar. 

     Ela era mais especificamente uma deusa das baleias, tubarões e monstros marinhos. Também tida como deusa dos horrores e formas estranhas, coloridas e exuberantes que o mar pode produzir e revelar para os homens. Irmã e esposa de Fórcis, a deusa recebe esses epítetos: Krataiis (poderoso, das rochas); Lamía (o tubarão); Tríenos (dentro de três anos). 

     Seus símbolos são as baleias; tubarões; peixes grandes e o mar. Segundo Hesíodo, em sua Teogonia, Ceto era uma deusa extremamente bela que gerou filhas belas porém perigosas e odiadas pelos deuses. Todavia, como é comum às divindades marinhas, Ceto possui um aspecto dual: enquanto era considerada dona de uma beleza divina, também eram vista com um monstro abissal capaz de gerar outros monstros iguais a si: as Górgonas, as Greias e o Dragão insone Ladão. Já Equidna, também sua filha, era uma criatura ambígua, com tronco de uma bela ninfa e cauda de serpente em lugar dos membros.

EURÍBIA:

     Euríbia ou Eurybía, na mitologia grega, era a deusa da fúria e da violência do mar, consorte do Titã Crio, que deu à luz Astreu, Perses e Palas. Foi uma divindade menor do mar, sob o domínio de Poseidon. Seus pais foram Ponto e Gaia. A filha de Téspio também se chamava Euríbia; ela teve um filho com o herói Héracles, chamado Polilau.

TELQUINES:

     Os telquines, na mitologia grega, eram demônios marinhos, filhos de Ponto com Tálassa, que tinham cabeça de cachorro, os corpos eram lisos e negros como o dos mamíferos marinhos, com pernas curtas e grossas, que eram meio nadadeiras, meio pés, e mãos semelhantes às de humanos, com garras afiadas.Em algumas versões do mito de Posídon, foram eles os criadores do tridente do deus do mar, e não os ciclopes. 

     Mas quando começaram a utilizar magia negra foram lançados ao Tártaro por Zeus.Em outros mitos, há relatos de que eram imunes a magia, mesmo de Hécate.Hália, irmã dos telquines, foi amada por Posídon, com quem teve seis filhos homens e uma filha, Rode, que deu nome à ilha de Rodes.

Últimos Posts:

Hércules foi, na Mitologia Grega, um dos personagens mais relevantes. Além de ser filho de Zeus, Hércules foi conhecido por seus 12 trabalhos, conheça quais foram.

Certamente você deve conhecer as principais Deusas da Mitologia Grega, mas e tratando-se das deusas mais fortes? Separamos um Top 5 que em nossa opinião, são as deusas mais fortes.