Conheça o Mito de Narciso: Apaixonado por si Mesmo

14/04/2021

     O Mito de Narciso foi uma das Histórias mais contadas da Mitologia Grega pois se trata de um belo jovem que ao olhar para seu reflexo na água, se apaixona. Conheça a história completa e Resumo.


Narciso na Mitologia Grega:

     Narciso, na Mitologia Grega, era um herói do território de Téspias, Beócia, famoso por sua beleza e orgulho. No dia do seu nascimento, o adivinho Tirésias vaticinou que Narciso teria vida longa desde que jamais contemplasse a própria figura. Seu equivalente romano é Valentim; ainda que seja pouco representado, e comumente confundido com Cupido.

     Narciso tinha uma irmã gémea. Ambos se vestiam da mesma forma e usavam o mesmo tipo de roupas e caçavam juntos. Narciso se apaixonou-se por ela. Quando ela morreu, Narciso consumiu-se de desgosto por ela e fingiu que o reflexo que via na água era sua irmã. Onde o seu corpo se encontrava, apenas restou uma flor: o narciso.

Resumo do Mito de Narciso:

     Segundo Ovídio, Narciso era um rapaz plenamente dotado de beleza. Seus pais eram o deus do rio Cefiso e da ninfa Liríope. Dias antes de seu nascimento, seus pais resolveram consultar o oráculo Tirésias para sabre qual seria o destino do menino. E a revelação do oráculo foi que ele teria uma longa vida, desde que nunca visse seu próprio rosto.

     Narciso cresceu, e se transformou um jovem bonito de Beócia, que despertava amor tanto em homens quanto em mulheres, mas era muito orgulhoso e tinha uma arrogância que ninguém quebrar quebrar. Até as ninfas se apaixonaram por ele, incluindo uma chamada Eco que o amava incondicionalmente, mas o rapaz a menosprezava. As moças desprezadas pediram aos deuses para vingá-las. Para dar uma lição ao rapaz frívolo. A deusa Nêmesis o condenou a apaixonar-se pelo seu próprio reflexo na lagoa de Eco. Encantado pela sua própria beleza, Narciso deitou-se no banco do rio e definhou, olhando-se na água e se embelezando. Depois da sua morte, Nêmesis o transformou numa flor, o Narciso.

Até em sua morte, ele tentava ver nas águas do Estige as feições pelas quais se apaixonara.

Recomendamos: Eros e Psiquê


Narcisismo:

     O narcisismo tem o seu nome derivado de Narciso e ambos derivam da palavra grega narke (entorpecido), de onde também vem a palavra narcótico. Assim, para os gregos, Narciso simbolizava a vaidade e a insensibilidade, visto que ele era emocionalmente entorpecido às solicitações que se apaixonaram pela sua beleza. Mas Narciso não simboliza apenas mera negatividade: 

"O mito de Narciso representa o drama da individualidade; ele mostra a profundidade de um indivíduo que toma consciência de si mesmo."